Programa da Semana da Democracia

2021-09-05

Movimento de Cidadania Contra a Indiferença

 

 CONTRA A INDIFERENÇA-FAZ TODA A DIFERENÇA

 

 

Programa da Semana da Democracia

 

6 a 16 de Setembro

 

 

O programa da Semana da Democracia, foi estendido até dia 16 de Setembro, de forma a incluir o conjunto de iniciativas organizadas pela sociedade civil que desejam participar na Campanha Contra a Indiferença.

Não obstante o programa delineado, este pode ser alterado, eventualmente, devido a imponderáveis de última hora ou das condições climatéricas adversas, nomeadamente no dia Aberto, previsto para o dia 11 de Setembro, dia em que os partidos políticos e as suas candidatas e os candidatos vão abrir as suas sedes e estabelecer bancadas no centro da cidade para o diálogo com os eleitores.

 

Dia 6 de Setembro-Segunda-feira

 

Abertura da exposição de livros temática “O Dia Seguinte-47 anos de Democracia, na Livraria Centésima Página

 

Dia 7 de Setembro-Terça-feira

 

A Associação Juvenil JovemCoop- Jovem Cooperante-Natureza e Cultura lança um vídeo nas redes sociais com a palavra dada a vários associados num apelo à participação cívica da Juventude com um apelo ao voto

 

Dia 8 de Setembro-Quarta-feira

 

Depois da campanha lançada no comércio, A Associação empresarial de Braga reforça o seu apelo aos associados e aos cidadãos, com a publicação de uma mensagem em vídeo do seu Presidente, Domingos Macedo Barbosa

 

Dia 9 de Setembro- Quinta-feira às 18.30, no Museu Nogueira da Silva, em Braga

 

Apresentação do livro “Poder Local ou Democracia Local”, da autoria do Professor Catedrático Jubilado da Universidade do Minho, António Cândido Oliveira. A obra é publicada pela Fundação Francisco Manuel dos Santos.

A democracia local é muito mais do que a eleição periódica de câmaras municipais ou juntas de freguesia. É também muito mais do que a expressão da vontade das maiorias. Em vésperas de eleições autárquicas, como funciona, afinal, o poder local?”

 

Dia 10 de Setembro- A Associação Empresarial do Minho, que representa cem das maiores empresas da região, lança uma campanha através de vídeo intitulada “Nestas eleições vote. Decida por si”.

Dia 10 de Setembro- Sexta-feira, às 18.00 A ASPA- Associação para a Defesa, Estudo e Divulgação do Património Cultural e Natural, organiza um debate sobre Cidadania e Património, às 17.30, no museu Nogueira da Silva.

 

Dia 11 de Setembro- Dia Aberto-Diálogo dos eleitores com as candidatas e os candidatos nas sedes dos partidos e na rua

 

As candidatas e os candidatos de diferentes partidos vão estar disponíveis nas sedes e no centro da cidade com bancadas para um contacto direto com os cidadãos.

PS- Sede do partido na Avenida Imaculada Conceição- entre as 17 e as 19 horas

Livre- Junto dos jardins da Avenida Central, entre as 14.30 e as 18.30 horas

PSD- Sede do partido no Largo-a-Senhora-a-Branca, entre as 17 e as 19 horas

CDS- Sede do partido- no Largo Barão S. Martinho, entre as 11 e as 13 horas

Aliança- Entre a Brasileira e o início da rua do Souto, entre as 10 e as 19 horas,

PPM- Largo S. Francisco entre as 10 e as 12 horas

Iniciativa Liberal- Frente ao Café Astória, entre as 10 e as 18 horas

PAN- Junto das escadas de acesso à praça da república, entre as 10-30 e as 13 e entre as 15 e as 19 horas

Chega- sede de Campanha entre as 10 e as 13 horas e entre as 15.30 e as 18.30 horas

 

Dia 14 de Setembro- Os Jornais Correio do Minho, Diário do Minho, a Rádio Universitária do Minho e  o Grupo Alive-Comunicação e Meios que engloba o site Press Minho, os jornais impressos, o Vilaverdense, o Amarense e caderno Terras de Bouro e ainda O Desportivo" lançam campanha a favor do Voto nas páginas dedicadas à respetiva cobertura da campanha eleitoral. No Correio do Minho o mote será “Dia 26 vote. O seu voto é importante. Diga não à abstenção” e no Diário do Minho “Diga Não à Abstenção. Dia 26. Vote”. A RUM - radio Universitária do Minho lança campanha no final dos noticiários.

 

Dia 16 de Setembro-18.30 O foto jornalista Alfredo Cunha estará na Livraria Centésima Página para apresentar a sua visão sobre o percurso da Democracia em Portugal.

 

 

 


Deixar comentário



Lista de comentários